Casamento1, Celebração, Locais Especiais,

“Desvendando o Destination Wedding” – Dicas na Europa

Já pensou em romper fonteiras e realizar seu casamento no destino de seus sonhos? Aquela praia paradisíaca nas Ilhas Gregas ou em um cenário contendo um castelo na Itália?
“Inovação” tem se tornado a palavra-chave para os casamentos de brasileiros. O tradicional está ficando de lado e os noivos tem procurado diversificar, transformando este evento em um grande evento, completamente diferenciado e inovador; transforma em um acontecimento único, muito mais maravilhoso e inesquecível.

Neste artigo vamos falar sobre o que é um Destination Wedding, quais são os principais paraísos escolhidos pelos casais e orientar sobre quais são as dicas para que seu casamento nestes moldes obtenha sucesso. 

- O QUE É - 

O destination wedding é a realização do casamento em um destino escolhido pelos noivos, diferente do local onde moram. Com maior frequência são realizados fora do país, principalmente na Europa, nos Estados Unidos, e na América Central. Porém, alguns lugares no Brasil já estão preparados para receber este modelo de casamento, e por isso já é uma tendência no nosso lindíssimo país também. E não se preocupe porque já existem empresas especializadas em organizar casamentos no seu lugar preferido.
Os noivos decidem onde querem casar e organizam a viagem e a celebração, e além disso aproveitam o destino para passarem a Lua de Mel. Os convidados para este grande acontecimento podem ser os amigos mais chegados, os familiares mais próximos, ou apenas os pais, que viajam com o casal e então desfrutar da celebração da união do casal no destino escolhido. Algumas vezes, o casal escolhe estar sozinho neste grande momento.
Um destination wedding é um evento que pode durar mais de um dia, para uma convivência mais intensa com os convidados. Podem ser três dias nos quais o casal pode optar por um coquetel ou um luau de boas vindas, no dia seguinte um café da manhã ou um brunch, e uma cerimônia com os pés no chão ao entardecer no próximo dia, seguida de uma recepção à escolha dos noivos. Mas também pode durar um dia, apenas com cerimônia e recepção e os demais dias aproveitados para os noivos e convidados curtirem o local. E claro, após as festividades, os dias de Lua de Mel que nunca podem faltar.
Os custos de um casamento nestes moldes variam com o local, com a quantidade de dias de evento, e com as despesas que o casal vai arcar. Eles podem oferecer aos convidados apenas as festividades ou podem também decidir arcar com todos os custos dos convidados como: o transporte, a alimentação, as comemorações e a hospedagem.

- DESTINOS PREFERIDOS NA EUROPA - 

Como estou morando em Portugal e tendo oportunidade de conhecer as tendências dos destination weddings pela Europa, falarei sobre os destinos preferidos pelos noivos brasileiros no velho continente. Para começar posso afirmar que as preferidinhas são as lindíssimas praias, ao pôr do sol. Verdadeiros paraísos que podem comportar a realização do seu grande sonho e tornar o seu grande dia único e muito mais especial.
Os destinos mais procurados são: Itália, Portugal, França e Grécia.


  • Itália: Para os italianos, o melhor lugar para o seu Destination Wedding é lá, porque a Itália tem: belos e populares locais a visitar ; uma riqueza de História e Cultura; passeios e casamento com um custo baixo e hospedagens acessíveis; e a Itália é reconhecida legalmente para Casamentos.










  • Portugal: Para os portugueses, o destino para o seu casamento deve ser lá, porque é um lindo, soalheiro, tranquilo e hospitaleiro país, além disso tem locais maravilhosos que vão da praia ao campo, para a celebração do seu casamento. E além disso, excelentes fornecedores e orçamentos confortáveis. Casar em Portugal pode ser mais barato que casar no Brasil, creia!
Retirado do site: Como Branco - Wedding Concept










  • França: A França é maravilhosa, tem luxo, beleza, romantismo, excelente gastronomia, história, cultura e prazer. É um excelente destino, porém comum valor bem menos acessível que os dois países anteriores. Para quem planeja estar apenas entre família, ou seja, um evento mais intimista, a França é uma excelente sugestão.










 Vejam o casamento completo de Ana Paula e Marcelo, em Paris, clicando AQUI .

  • Grécia: A Grécia é especial, escrevi parte deste artigo assim que voltei de uma viagem de lá, portanto mereceu um destaque. Ao final deste artigo falarei sobre a Grécia! 

Continuem a leitura...


- O QUE FAZER PARA SEU CASAMENTO SER UM SUCESSO - 

Uma grande preocupação das noivinhas que querem um Destination Wedding, é em relação ao planejamento e acompanhamento à distância. Portanto aqui está uma dica fundamental: contrate uma assessora de casamento no local escolhido, ou alguma que seja brasileira e que tenha experiência com este tipo de evento.
Assim como o casamento tradicional é preciso planejar com antecedência. Comece com um mínimo de um ano para que os custos sejam divididos e para que tenha tempo para fazer tudo o que precisa sem que a fase de noivado e a distância física que separa você do local do seu casamento, se torne um pesadelo.

1 - Decida o destino e procure orientações precisas sobre o local escolhido. O fato de você estar distante do local faz uma grande diferença. É extremamente necessário que você tenha alguém em quem possa confiar, como uma cerimonialista, que te ajude neste processo. Existem empresas especializadas e de qualidade neste ramo, geralmente com cerimonialistas brasileiras no exterior que são especializadas em casamentos de brasileiros. Caso prefira não ter este serviço, procure por hotéis que ofereçam serviços em conjunto, pois fica muito mais em conta e mais fácil de coordenar do que se contratar serviços separados.
2 – Decida quem vai convidar e consulte-os. Não surpreenda seus pais, familiares e amigos; converse com eles pois um destination wedding costuma ser intimista, fora do país, e com custos elevados. Se você não pretende arcar com os custos de transporte, alimentação e hospedagem dos convidados, melhor não correr o risco de ter um evento sem os seus mais queridos.
3 – Envie o Save the Date com tempo de antecedência maior. É necessário que os convidados se organizem para ausentarem-se do país e para que possam confirmar presença. Para fazer as reservas em hotéis ou espaços específicos para casamentos é necessário um tempo de 3 a 5 meses antes da data programada. Portanto, envie o lembrete do casamento para que já reservem a data e estipule um tempo para que eles possam tomar suas decisões.
4 – Cuide do conforto e bem-estar de seus convidados.  Escolha um local que esteja preparado tanto para hospedar como para sediar os festejos do casamento, isso é uma comodidade e tanto para os noivos e para os convidados. Procure por pacotes que tenham também convênios com agências de turismo, tornando também o transporte mais barato. Assim você pode negociar, dependendo do número de pessoas que confirmarem presença.

- DESTINATION: SANTORINI - GRÉCIA -

Este ano fiz uma viagem fantástica: Grécia. Especialmente quero falar da minha experiência em Santorini, o que pode ajudar vocês a escolher este local para o Destination Wedding. Comemorando um ano de casados, eu,marido e filho fomos a esta viagem fantástica e quero mostrar a vocês o que tem de bom por lá. Tenho certeza que vão amar!
É possível chegar a Santorini de Ferry ou de avião (low-cost), partindo de Atenas (aproveitem para conhecer Atenas). Nós preferimos ir de avião, já que o preço era mais baixo do que ir pelo mar, e chegamos lá em 50 minutos, ao contrário do Ferry que levaria de 4 a 8 horas, dependendo do que você escolher.
Repleta de romantismo e de paisagens deslumbrantes, um pedaço do paraíso é o resumo da Ilha de Santorini. A ilha de Santorini pertence ao arquipélago das Cíclades (Cyclades), no mar Egeu, a 200 quilômetros de Atenas. Possui cerca de 73 quilômetros quadrados de área e, aproximadamente, 14 mil habitantes. A geografia perfeita e diferenciada deste paraíso é resultado de uma erupção vulcânica que ocorreu em 1450 a.C. Esta erupção fez afundar o centro da ilha, deixando em seu lugar uma cratera de penhascos íngremes e altos. Em forma de meia-lua, tem no seu interior (onde existia o grande vulcão), pode-se vislumbrar as pequenas ilhas de Nea Kameni e Palea Kameni.
Pode-se dividir Santorini em pequenas cidades. No lado oeste temos Fira e Oia. Fira é o centro da ilha e Oia é onde se vê o maravilhoso pôr do sol. Nestas duas cidades encontramos as vilas com casinhas brancas, pequenas e construídas na rocha que formam o perímetro da cratera vulcânica. Do outro lado, à leste, estão Perissa e Kamari, que possuem praias de areia negra e vulcânica e com agitada vida noturna.












O que não se pode perder em Santorini:


1 - A caldeira de Santorini, uma das maravilhas naturais da Terra.




2 – O pôr do sol em Oia, que é perfeito e não há outro igual. É um dos mais famosos do mundo.


3 – Passeio de barco a ilha de Nea Kameni para visitar o vulcão e a ilha de Palea Kameni para tomar banho nas águas quentes, que dizem ter propriedades curativas.



4 – Passeio de burro, em Fira e Oia, subindo do porto até a cidade.




blogger

The author didnt add any Information to his profile yet

FIQUE POR DENTRO!
Assine nossa newsletter e não perca nossas novidades!
Suas infomações nunca serão compartilhadas com terceiros.